segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Crônica da TV: Mudanças na Grade - a Record, pode, deve e vai fazer


Por André Lima

As redes sociais ficaram ouriçadas com as recentes notícias. A principal delas é a alteração de horário da novela Pecado Mortal de Carlos Lombardi. Além de outras “novidades”. Algumas previstas, outras, consideradas ousadia da Rede Record.

Concorrência Justa

Com a final da novela equivocada de Walcyr Carrasco no horário nobre da Rede Globo, Amor à Vida. A Record, pretende adotar uma estratégia ousada. Colocar Pecado Mortal mais cedo, enquanto o Jornal Nacional ainda estiver no ar.

O anúncio das mudanças já provocou efeitos na Rede Globo, hoje, Amor à Vida entrou no ar exatamente as 21:09. (não é para rir?).

Pecado Mortal x Em Família


Entrando assim, no ar, antes da estreia de Em Família, nova novela do horário nobre de autoria de Manoel Carlos.
Vamos lembrar que a Globo, para barrar uma possível subida de audiência de Pecado Mortal, pegou pesado na disputa pelos números e chegou a colocar Amor à Vida no ar por quase duas horas seguidas. Fazendo assim Pecado Mortal perder parte do público que gosta de novela na migração.
A grade noturna da Globo já não segue seu padrão de qualidade. Nem a novela, nem os realities (BBB14 e The Voice) tinham horários fechados.

O jogo virou...

Agora a situação se inverte. A Record pretende entrar com Pecado Mortal antes da novela da Globo começar. O resultado disso?
Não faço a menor ideia mas é assim que se faz concorrência.
Sem medo da líder. Afinal, se a Rede Record pretende alcançar a liderança um dia, então esse é o caminho. Criar independência na Grade e parar de ficar fugindo de produtos de sucesso da concorrente.

O momento é este...


Não precisamos ir muito longe para compreender que esta estratégia tem um raciocínio lógico.

1 – As 3 novelas inéditas da Globo não andam muito bem das pernas.
2 – A novela mais cara da Globo, Jóia Rara, apesar de ter bom texto, raramente alcança 20 pontos. E quando eu digo raramente, é RARAMENTE mesmo. A audiência mínima aceitável para as novelas das 18 horas da Globo seriam 25 pontos em SP. Ou seja, houve uma debandada geral de mais de 5 pontos.
3 – A novela que não parece novela, Além do Horizonte, além de não alcançar os índices desejados, já chegou a dar menos audiência do que a novela das 18 horas, Jóia Rara. Menos de 20 pontos na grande maioria das vezes. O considerado normal para o horário Global seria 30 pontos, no mínimo.
4 – Amor à Vida, apesar de ainda alcançar audiência menos dramática, ainda está bem aquém do que se via antes. Tem conseguido alcançar altos índices, somente agora em fase final, mas sempre com fortes críticas negativas do público e da crítica especializada.
5 – Hoje na teledramaturgia da Globo, o que se salva são as minisséries. Que têm oferecido uma experiência nova e o público tem aceitado bem.

O que nos faz refletir sobre o horário depois das 22:30 horas nos outros canais, inclusive a Record.

O futuro da teledramaturgia...

Eu não posso deixar de frisar aqui que o futuro da teledramaturgia na TV aberta nacional, é seguir as tendências internacionais.
Seriados, minisséries e novelas de curta duração. Motivos?
·        Os tempos são outros. O telespectador não quer mais acompanhar novelas longas, que se arrastam no tempo para chegar nos finais óbvios de sempre.
·        Dona Xepa só não deu certo, justamente por causa do horário de exibição. A novela solar de Gustavo Reiz só não foi sucesso de público porque ia ao ar muito tarde.
·        Séries e minisséries nacionais estão em alta e vale a pena investir. Um exemplo é a minissérie Global em 10 capítulos, Amores Roubados que dava mais audiência que as novelas das 18 e das 19 horas no canal. Quase o dobro.

É a hora e a vez das criações dos profissionais nacionais..


A Record comprou séries consagradas internacionalmente. Breaking Bad, o carro chefe, que ganhou divulgação mais alta que qualquer outro produto no canal. Spartacus, que está em dia errado, concorrendo com produtos “populescos” como : BBB14, Pânico na Band e Programa Silvio Santos. Como uma série, histórica, cult, vai sobreviver assim?

Breaking Bad, raramente chega a 6 pontos. Fica sempre entre 4 e 5. Além de uma estratégia que eu até hoje não entendo. Série sendo exibida como se fosse minissérie. Com episódios de segunda a sexta. E minisséries nacionais sendo exibidas como se fosse seriado. Vai entender.
Além destas duas séries, tem também Once Upon a time (Era uma vez) que a Record pretende estrear agora em fevereiro. Resta saber que estratégia vai utilizar, depois destas mudanças que estão para acontecer.

Séries e Minisséries na Record – trabalhos genuinamente brasileiros


Mas a verdade é uma só, basta analisar a audiência e críticas positivas das minisséries bíblicas da Record. O mesmo se daria se existissem minisséries “seculares”.
Os autores, a Record tem para isso e elenco que veste a camisa do canal. Que abraça a causa e entra na batalha com profissionalismo e dedicação. Só precisa ter quem enxergue isso no canal da Barra Funda.

Marcílio Moraes e Carlos Lombardi – o futuro da teledramaturgia da Record


Tanto o Marcílio Moraes que vem aí para escrever uma nova minissérie aproveitando o ano de eleição, quanto o Carlos Lombardi que estreou na Record com altos elogios da crítica, que já anunciou que está negociando uma série com a Record, para ser planejada logo após o término de Pecado Mortal, podem ser o novo caminho da teledramaturgia da Record e da TV brasileira.

Ousadia e Inovação

Ambos os autores, são criativos, sempre querem inovar, buscar algo diferente para a TV. Novas propostas estéticas e artísticas que foram vistas na Tela da Record.

Basta rever A Lei e o Crime de Marcílio Moraes que está sendo reprisada e acompanhar Pecado Mortal de Carlos Lombardi que está no ar, completamente inovadora, com uma linguagem diferente do que já se via em novelas.

De A História de Ester e Milagres de Jesus

Quem vem acompanhando as minisséries bíblicas desde A História de Ester até a atual Milagres de Jesus, sabe da evolução da qualidade de produção, do elenco e também do texto.

Além de Vivian de Oliveira, novos autores estão se enveredando por esse novo “gênero” que a Record criou. Isso é da Record e ninguém pode tirar.

As minisséries bíblicas já estão consolidadas no canal. Agora é consolidar a ação, a comédia, o romance, o drama. Tem espaço para tudo isso sim. Não é loucura não. Tem espaço e tem público. Basta acreditar, investir e esperar o resultado chegar.

Nós, telespectadores que adoramos televisão queremos ver a TV de qualidade. Tudo isso é um processo, que precisa ser iniciado já. Agora é a hora.

Vitória mais cedo pode ser uma vitória no IBOPE


Com a mudança de Pecado Mortal de horário, que poderá servir como um carro chefe que vai organizar e atrair o público para a novela substituta, Vitória de Cristianne Fridman. Que já mostrou que consegue atrair público com as bem sucedidas, Chamas da Vida e Vidas em Jogo.
O horário mais cedo, pode ser a salvação das telenovelas na Record. E claro, consolidar os dois horários prometidos, mesmo que seja uma novela e uma minissérie.

Organização e melhor distribuição de Grade


Todos já sabem que o carro chefe da Record é o jornalismo, e ninguém pode tirar os seus méritos. Mas porque não, apostar na teledramaturgia de modo mais incisivo como é feito no jornalismo?

A grade matutina e vespertina do canal, é feita basicamente de jornalismo. Nem o Brasil e nem o mundo tem tanta notícia assim para dar. O que se faz é repetir as mesmas notícias em todos os programas.

Basta reduzir o tempo de duração dos jornalísticos, e assim a grade noturna ficaria fechada em teledramaturgia, entretenimento, show e realities shows que a Record tem de sobra.

É tão simples como levar o garfo até a boca na hora de comer.

#BBB14 derrapa na audiência e Silvio Santos fica em Ritmo de Festa


A audiência do BBB14 já não mete mais tanto medo assim na concorrência. Com um formato “mais do mesmo de sempre” o programa supostamente chamado de Reality, vem derrapando na audiência. Com uma série de paredões e votações, para tentar segurar o público, ainda assim a audiência está abaixo do esperado pela Globo.

O quinto paredão do programa (domingo dia 26 de janeiro) registrou somente 13,8 em SP. A menor audiência do reality forçado, e perdeu para o Programa Silvio Santos por 14 minutos, que chegou a ficar com 14,3 contra 12,4 da casa que era a mais vigiada do país.

Alerta para A Fazenda 7


Que isso sirva de alerta para o reality da Record, A Fazenda, que na edição anterior, deixou muito a desejar, com um festival de vexames e não expulsões que deveriam ter acontecido se o programa seguisse suas próprias regras.

Vamos torcer para essa nova temporada retomar o controle e se manter como reality de verdade. Porque tem sido complicado acompanhar.

Mudanças são sempre bem vindas...


E que venham mais mudanças na Record, a gente agradece e aplaude o empenho e tentativa de se tornar um canal melhor.
Afinal, com a atual programação nem o Domingo Espetacular que é a maior audiência da Record tem conseguido manter o padrão de qualidade.

Estamos pedindo somente melhores opções para assistir.

Nota: A Record anunciou oficialmente por meio de email, quando fez a divulgação dos resumos dos capítulos de Pecado Mortal dos dias 03 a 07 de fevereiro a alteração do horário. Leia abaixo o comunicado oficial:
"Na semana de 03 a 07 de fevereiro será exibido compacto com os melhores momentos de Pecado Mortal.

A novela será exibida a partir de 21h10."

 Até mais ver pessoal.
Abraços com respeito sempre


Leia outras Crônicas clicando aqui abaixo