terça-feira, 22 de abril de 2014

“Pecado Mortal”: Picasso confessa farsa e desejo de tomar o domínio do morro do Pinguim


























Finalmente o mistério em torno do “novo” Picasso chegará ao fim em “Pecado Mortal”. Ele que vinha apresentando um bom comportamento nas últimas semanas deixando o público com uma pulga atrás da orelha, demonstrará nos próximos capítulos que tudo não passou de pura encenação, revelando inclusive o seu desejo de tomar para si o domínio do Morro do Pinguim.  Confira abaixo com exclusividade os fatos que marcarão os próximos passos do vilão na trama!

Picasso deixa claro para Carlão que aconteceu algo entre ele e Patrícia. Carlão fica enfurecido de ciúmes e parte para cima, golpeando Picasso a cada provocação. Helena pede ajuda de Baldochi e ele aparta briga. Carlão grita furioso e diz que Picasso está fingindo ser uma pessoa melhor. Picasso é levado para o hospital e Carlão vai preso.  Picasso é levado até delegacia para prestar queixa, e se mostra fragilizado após briga com Carlão. Ele diz que provocou as reações de Carlão, mas assina acusação de agressão. Carlão fica a sós com Picasso e ele dá gargalhada, comprovando que mudança é uma grande farsa.

Carlão confessa para Otávio que está com medo de ser preso. Picasso se faz de vítima e diz para Patrícia que não queria brigar com Carlão. Juiz declara prisão preventiva de Carlão, deixando-o inconsolável. Ele pede para que Otávio cuide das crianças e diz que tentará sair da prisão quanto antes. Os dois se abraçam, muito emocionados. Patrícia questiona Carlão sobre o que aconteceu. Ele diz que Picasso insinuou que ela dormiu com ele e que os dois estavam juntos. Patrícia se recusa a acreditar que Picasso esteja fingindo e Carlão esmurra mesinha, furioso. Patrícia cobra explicações sobre casamento com Dorotéia e ele diz ser parte de um plano para recuperar o morro. Patrícia se emociona quando Carlão diz que a ama e que a amará até o fim.

Picasso vai atrás de Michele e diz que comandará morro do Pinguim e que tomará o lugar dos Vêneto como governantes do morro. Michele fica confuso e diz não saber quem ele é. Picasso confessa para Monet e Caravaggio que jeito de bom moço era farsa e deixa Caravaggio chocado. Picasso pede ajuda de Caravaggio e Monet para roubar o morro dos Vêneto, deixando-os chocados. Picasso planeja invasão falsa em que ele salvará o morro e conquistará confiança dos moradores. Caravaggio e Monet se disfarçam e preparam invasão da fazendinha. Picasso recebe telefonema avisando de ataque à fazendinha. Ele finge estar aflito, rouba arma de Baldochi e diz que precisa salvar Michele. Cavaraggio e Monet surpreendem Getúlio, Lívia, Laura e Norma na fazendinha, fingindo assalto. Silvinha escapa sem ser notada por eles. Picasso invade fazendinha conforme plano e aborda Caravaggio e Monet. Picasso diz para Patrícia que fugiu para defender seu pai do ataque dos bandidos.

Texto por Luciano Andrade - @luccandrade
© Todos os direitos reservados