quinta-feira, 26 de março de 2015

Em "#OsDezMandamentos" - Joquebede toca em Moisés e é rapidamente repreendido por ele, que a chama de escrava

Capítulo 5 – Sexta-feira (27/03)
Joquebede toca em Moisés e é rapidamente repreendido por ele, que a chama de escrava. Num, Amália, Arão e Miriã ficam chocados com a reação de Moisés e tentam acalmar Joquebede. Amália sente por não ter dado um filho a Num e ele a consola, dizendo que Deus dará um filho aos dois. Disebek pergunta a Henutmire se a escrava que esteve no cortejo é a mãe de Moisés. Henutmire se exalta, mas acaba confessando a verdade. Ramsés questiona Seti sobre sua implicância com Moisés, mas o rei se faz desentendido. 
Ele permite que Moisés os acompanhe à visita da construção do seu túmulo. Num introduz Arão nos trabalhos no túmulo do faraó. Miriã se interessa por Hur, um jovem hebreu criado no palácio. Joquebede e Amália dizem que ele está comprometido com uma moça egípcia. Arão esquece talhadeira no chão e Seti tropeça durante a visita, ficando furioso. Num se entrega no lugar de Arão e é severamente punido com chicotadas. 
Yunet proíbe Nefertari de manter amizade com Moisés e Henutmire a escuta falar mal de seu filho. Ela diz a Yunet que é capaz de matar qualquer pessoa que faça mal a Moisés e a proíbe de falar dele novamente. Moisés e Ramsés encontram Arão e zombam dele, chamando-o de hebreu nojento. Arão não suporta e diz a Moisés que ele tem sangue hebreu e que deveria ser escravo. Ramsés diz que é mentira e Disebek ameaça punir Arão. 
Moisés questiona Henutmire sobre suas origens e ela chora, confessando que ele é hebreu. Arão diz a Joquebede e Miriã que contou a verdade a Moisés, deixando-as em choque.  Moisés conta a Ramsés que ele é hebreu, mas Ramsés diz não se importar e o abraça. Moisés foge do palácio e caminha pelas ruas a procura de Arão. Ele esbarra em Miriã, que não esconde sua surpresa e o reconhece imediatamente.







Postado Por: Rafael Oliveira
Twitter: @FaeelOliiveira