sexta-feira, 22 de maio de 2015

#OsDezMandamentos - Assista ao 42º em HD




Resumo
Capítulo 44  (Quarta-feira, 20/05)

Henutmire entra na casa e informa que oficiais a aguardam do lado de fora. Anrão diz que ninguém irá fazer nada contra ela. Henutmire questiona se todos estão dispostos a um sacrifício para salvar Moisés. Amália sente dores na barriga e Eliseba ajuda a acamá-la. Eldade deixa Arão preocupado ao alertar que avistou oficiais guardando a casa de Joquebede. 

Henutmire conta que se Moisés insistir em aproximar-se da família hebreia, Seti poderá matá-lo. Joquebede sofre e fica inconformada com a gravidade da situação. Henutmire afirma que a fuga de toda a família hebreia é a única forma de manter Moisés afastado e se propõe a ajudá-los. Preocupado, Disebek exige que Ramsés não comente com Moisés que Henutmire foi encontrar a família dele. 

Moisés entrega uma cesta de comida para Leila e pede para ela informar à família que não irá abandoná-los. Paser se espanta ao saber que Henutmire e Yunet foram à vila dos hebreus. Joquebede chora e é consolada por Miriã. Arão fica surpreso ao saber da visita de Henutmire e teme o futuro da família após a proposta de fuga. Joquebede se revolta com as palavras de Arão contra Moisés, mas ele duvida que o irmão enfrente o faraó para salvá-los. 

Henutmire desconfia que a família de Moisés não aceitará fugir e repreende Disebek ao vê-lo com a intenção de matá-los.  Nefertari se preocupa ao ouvir Yunet dizer que a vida de Moisés no palácio está com os dias contados. Moisés interrompe a conversa entre Henutmire e Seti dizendo que precisa falar com o rei. Gahiji permite que Leila entregue a cesta para a família de Moisés, mas aconselha cuidado e discrição. 

Moisés pede que Seti não faça nenhum mal contra os familiares hebreus. Seti concorda, mas com a condição de que o príncipe não force uma aproximação. Moisés agradece pela generosidade e jura lealdade ao soberano. Henutmire fica aliviada por Moisés não ter enfrentado o rei. Seti pede que Disebek coloque um oficial acompanhando o príncipe nas obras para que não seja surpreendido. 

Paser tenta amenizar a situação, mas o rei conta que não se convenceu da fidelidade de Moisés. Disebek ordena que Bakenmut não perca Moisés de vista. Eliseba adverte Arão ao ouvi-lo reclamar com raiva de Moisés.  Hur tranquiliza Henutmire ao dizer que não revelou nada para Moisés sobre a família hebreia. Leila avisa Joquebede, Anrão e Miriã que Moisés fará de tudo para protegê-los. 

Apuki recebe a visita de Joel e promete ajudá-lo ao descobrir que o amigo está desempregado. Ramsés deixa Nefertari preocupada ao duvidar que Moisés tenha desistido de procurar os familiares hebreus. Arão provoca Joquebede ao encontrar a mesa farta de comidas enviadas por Moisés. Anrão acalma a discussão entre os dois e sai com o filho para a obra. Paser fica tenso ao pressentir que Moisés irá atrás da família hebreia. Hur e Uri recomendam que Leila pare de ajudar Moisés. 

Arão avista Joel às gargalhadas com Apuki e o encara. Ao saber que Leila está ajudando Moisés, Abigail se surpreende. Vigiado por Bakenmut, Moisés observa o sofrimento dos hebreus escravizados e se esforça para conter a revolta. Henutmire confessa para Yunet a suspeita de que Moisés não abandonou a ideia de se distanciar dos familiares hebreus. Joquebede diz que Amália precisa se alimentar e lhe entrega frutas. 

Miriã desconfia que Moisés seja o libertador que Deus enviou para tirar os hebreus da escravidão. Apuki autoriza que Panahasi leve Arão para ajudá-lo em outra obra e Anrão se preocupa. Moisés decide chegar de surpresa na obra para inspecionar como Apuki está agindo e ordena que Bakenmut não o acompanhe. 

No caminho para a obra, Arão responde as provocações de Panahasi e é chicoteado. Moisés vê a agressão, pega a espada e crava na barriga do egípcio, matando-o na hora. Surpreso com a atitude, Arão é reconhecido por Moisés e o deixa espantado ao se apresentar como irmão dele.
*Programa não recomendado para menores de 10 anos
** Sujeito à alteração de acordo com a edição dos capítulos.







Postado Por: Rafael Oliveira
Twitter: @FaeelOliiveira