quarta-feira, 20 de novembro de 2013

Conheça o elenco de "A Nova Família Trapo" e assista à primeira chamada do especial


QUINTINO TSURU –  Rafael Cortez
Odeia o nome de batismo, que considera “cafona”, “de pobre”, “sem glamour”, exige ser chamado de Kike. Gosta do sobrenome porque significa “boa sorte”, em japonês. Quintino é filho de uma brasileira com um japonês. Sem traços orientais, há quem diga que, na verdade, Quintino é filho do vizinho, e o coitado do japonês, sem saber, “assumiu o chifre”. Os pais moram há anos no Japão, isolados numa comunidade de lunáticos, que juram se comunicar com extraterrestres e vivem à espera de Discos Voadores.

BENIGNA DOS PRAZERES – Katia Moraes                                          
Empregada doméstica de Quintino. Ela tem esse nome porque a mãe, muito ingênua, logo após o casamento, “começou a inchar”, e pensou que se tratava de alguma doença maligna. Quando descobriu que o inchaço era apenas uma gravidez, prometeu dar à filha o nome de Benigna. Como toda empregada que se preza, Benigna se julga mais dona da casa do que o próprio Quintino. É intrometida, fofoqueira, gozadora, espevitada, namoradeira, debochada, malandra. Com a autoestima nas alturas, não tem nenhum tipo de complexo.  Não leva a sério o patrão. No reality, torceu para a Mulher Lasanha. Considera uma injustiça o patrão ter vencido, afinal, ele era “uma planta”. Apesar de ser empregada, Benigna olha com superioridade para a “pobraiada” que invade o apartamento. Quando a crise chega ao apartamento, ela põe um cadeado na geladeira, e anda com a chave pendurada no pescoço. Quando descobre que a Mulher Lasanha é irmã de Quintino, faz campanha para que a “renegada” seja acolhida no apartamento.


CREIZILAINE TUPINAMBÁ – Cacau Melo
Filha de Gertrudes, irmã de Reginaldo. Os amigos a chamam de Creizi, por lembrar “crazy” em inglês, mas a mãe não admite tal apelido, já que Creizilaine é homenagem à mãe do falecido marido. Ela é a única que vai à luta na família Tupinambá. É atriz, fez cursos de Teatro, mas nunca conseguiu papel numa peça importante. Sempre foi reprovada nos testes. Leva a sério os ensinamentos, gosta de fazer laboratório para compor seus personagens. O único personagem da vida dela é A Galinha Amarelinha. Creizilaine ganha a vida como Personagem Vivo de festinhas infantis. Creizilaine reclama que nunca teve o apoio da mãe para ingressar na carreira artística.

REGINALDO TUPINAMBÁ – Daniel Erthal
Filho de Gertrudes, irmão de Creizilaine, “galã de subúrbio”, pegador, não deixa escapar nenhuma mulher. O que Quintino tem de atrapalhado, Reginaldo tem de esperto. Enquanto Quintino faz a linha fino, ele faz a linha cafajestão. Desocupado profissional, diz que não trabalha porque “precisa encontrar o seu eu interior”, descobrir para o que nasceu e sua real vocação. Sai todas as noites para baladas e volta em estado lastimável. Com a mudança para o apartamento, tem que participar da divisão de tarefas. Fica encarregado de um setor da granja e passa a boicotar o trabalho. Por culpa de Reginaldo, as galinhas entram em greve. Tem toques de vilania divertida. Como nas histórias em quadrinhos, seus planos nunca dão certo.



GERTRUDES TUPINAMBÁ – Patrycia Travassos
Viúva, mãe de Creizilaine e Reginaldo, criou os filhos com a pensão do falecido. Típica suburbana, cafona, austera, pão dura, interesseira, fofoqueira, manipuladora, meio vilã. É capaz de tudo por dinheiro. Inclusive oferecer, em casamento, a filha Creizilaine para Quintino. Ninguém pode bobear com Gertrudes porque será vítima de alguma trapaça, golpe, tentativa dela de se dar bem. Considera um absurdo Creizilaine querer ser atriz. É a única da família que sabe da existência de Sharlene Sheeva, irmã de Quintino, e utiliza a informação para conseguir ser aceita na vida do sobrinho, a quem sempre renegou, pois não tinha nada de bom a lhe oferecer.

SHARLENE SHEEVA, A MULHER LASANHA – Barbara Borges
Ficou conhecida como Mulher Lasanha, mas o nome verdadeiro é Sharlene Sheeva Tsuru. É periguete, barraqueira, falastrona, sem papas na língua, deslumbrada consigo mesma, faz qualquer coisa para sair na mídia. O sonho dela é se tornar uma funkeira famosa, mas só consegue algum destaque na mídia pelos escândalos que protagonizou no reality. Ela perde A Fazenda para Quintino por ter agredido o apresentador nos momentos finais do programa. O segredo que Gertrudes esconde é que a Mulher Lasanha é irmã de Quintino e foi criada em segredo no Japão. Fugiu da comunidade alternativa onde vivia com os pais por não suportar a vida pacata. Ela detesta o nome e prefere ser chamada de Mulher Lasanha. Assim como Quintino, não tem traços orientais, mas é “filha do japonês”, o que também coloca sob suspeita a fidelidade da mãe deles. Quintino exige que ela pare de se apresentar como Mulher Lasanha e assuma o verdadeiro nome, Sharlene Sheeva.



ANANIAS PEDREIRA – Raul Gazolla
Vizinho intrometido. Se enfia no apartamento a todo instante sob os mais variados pretextos. É abusado, canastrão, com pinta de bicheiro.

Policial – Paulo César Grande


ASSISTA À CHAMADA:


A Nova Família Trapo vai ao ar dia 
01 de dezembro, às 11h15 da noite.


Por: Fabio Nóbrega
Twitter: @FabioRecord