segunda-feira, 7 de abril de 2014

Boa atuação de Renato Livera muda rumo de personagem em “Pecado Mortal”
























No ar em “Pecado Mortal” de Carlos Lombardi dando vida ao policial Monet, um dos integrantes do grupo dos Artistas, composto ainda pelo Detetive Picasso, vivido pelo ator Vitor Hugo e os policiais Starsky de Carlos Bonow e Caravaggio, interpretado por Miguel Nader, o jovem e talentoso ator Renato Livera conseguiu uma faceta bem curiosa nas telinhas.

Ele que está em seu segundo trabalho na TV, após dar vida ao empresário Jairo na novela “Máscaras” de Lauro César Muniz foi escalado para “Pecado Mortal” com o intuito de substituir o ator e apresentador Rodrigo Faro, que estava pré-escalado para a trama, mas que devido à atribulada agenda de trabalho, não pode aceitar o convite do autor Carlos Lombardi, que após se reunir com o até então diretor geral Alexandre Avancini optou-se pela escalação de Renato Livera: “O substituto de Rodrigo já foi escalado. É Renato Livera, bom ator do casting da Record!”, ressaltou na época o dramaturgo.

No entanto, o articuloso, sóbrio e austero policial Monet teria vida curta no folhetim. Anteriormente previsto apenas para os primeiros 40 capítulos da trama, assim como aconteceu com Heitor Martinez que fez uma participação especial como o policial Van Gogh até o 44º capítulo. Contudo, colhendo os frutos de sua enorme dedicação, Renato Livera conseguiu através do seu talento e da importância que o personagem veio ganhando ao se sustentar na trama épica de Carlos Lombardi, um espaço necessário que acabou mudando os planos do autor.

Cúmplice do grande vilão da trama Picasso e ao mesmo tempo uma de suas principais vítimas, Monet segue firme no folhetim e se destaca pela postura fria diante dos fatos e pela facilidade em levantar ideias e soluções. Interesseiro, mas com um jeito comedido, o policial com trejeitos de bom moço, pode enganar muita gente e tem deixado o público com uma pulga atrás da orelha, afinal o que se esconde por trás da sua reaproximação de Picasso? Seria uma singela forma de retalhação ou uma plano de vingança? Para sabermos a resposta só mesmo acompanhando em sua reta final, de segunda a sexta, às 21h30, “Pecado Mortal” na Record! Imperdível!


Texto por Luciano Andrade - @luccandrade
© Todos os direitos reservados

Leia também: