sexta-feira, 25 de abril de 2014

“Prefiro não acreditar que a Record esteja agindo desta forma”, diz Dado Dolabella após deixar novela



Afastado da nova novela da Rede Record “Vitória” de autoria de Cristianne Fridman e direção geral de Edgard Miranda e com o contrato rescindido com o canal, a pedido da própria emissora, após se envolver num caso de agressão a um produtor enquanto gravavam cenas do novo folhetim em Curaçao, no Caribe, o ator Dado Dolabella se mostrou surpreso e consternado ao se pronunciar sobre o assunto numa rede social.

“Prefiro não acreditar que a Record esteja agindo desta forma. Sem mais comentários”, disse Dado, que na emissora já havia atuado na novela “Chamas da Vida” da mesma autoria e direção de “Vitória” e em “Máscaras” do autor Lauro César Muniz, no especial “Louca Família” de Tom Cavalcante e o reality show “A Fazenda” quando venceu a disputa recebendo o prêmio de R$ 1 milhão.

Para viver o fotógrafo Léo, co-protagonista da nova novela Dado estava firme na academia, já que o personagem exigia uma boa forma física e se dizia bastante feliz com a nova oportunidade desde os primeiros trabalhos. “Estou alucinado com os primeiros capítulos. Lendo já to viciado... Imagina vivendo!, destacou o ator quando teve acesso aos primeiros capítulos da trama.

Como forma de manter um triângulo amoroso no folhetim, a direção da emissora optou por aproveitar a aproximação que o personagem Rafael, vivido pelo ator Rodrigo Phavanello terá com os protagonistas Diana, vivida por Thaís Melchior e Artur, interpretado por Bruno Ferrari e mantê-lo como co-protagonista. 

Na trama Rafael será o advogado de confiança de Artur, irá defendê-lo, mas acabará se encantando por Diana, par romântico de Artur. “Vitória” tem previsão de estreia para a primeira quinzena de junho em substituição a “Pecado Mortal”.

Texto por Luciano Andrade - @luccandrade
© Todos os direitos reservados