domingo, 19 de março de 2017

#RepórterRecordInvestigação exibe a reportagem mais premiada dos últimos anos na TV

Divulgação/Record TV

Produção sobre exploração sexual e doméstica de moradores de um quilombo Kalunga venceu os prêmios Rei de Espanha, ExxonMobil (Esso), Petrobras, Anamatra e América Latina de Direitos Humanos

O Repórter Record Investigação desta segunda-feira, (20/03), às 22h45, exibe a reportagem “As Eternas Escravas”, que denuncia a exploração sexual e doméstica de moradores de um quilombo Kalunga. A produção foi exibida em junho de 2015 e se tornou a mais premiada dos últimos anos na televisão brasileira, vencendo os prêmios Rei de Espanha, ExxonMobil (Esso), Petrobras, Anamatra e América Latina de Direitos Humanos.

Durantes dois meses, a equipe do programa levantou documentos exclusivos e investigou a exploração e tortura de crianças descendentes de escravos de um quilombo Kalunga, a 320 km de Brasília.

Um escândalo que revela a face mais cruel da humanidade: escravizar crianças negras e pobres. Próximo das autoridades mais poderosas do país, meninas são amarradas e transformadas em servas domésticas e sexuais.

Devido à repercussão do trabalho, foi aberta uma comissão parlamentar de inquérito no estado de Goiás para apurar os abusos, fato destacado pelo júri, assim como a elegância da linguagem visual e a capacidade de resumir múltiplos problemas sociais em uma única reportagem.


O Repórter Record Investigação, apresentado por Domingos Meirelles, vai ao ar nesta segunda-feira (20/03), às 22h45.


Siga o Portal no Instagram










Elthon Ribeiro
Twitter: @elthonribeiro
Instagramelthonfribeiro